quinta-feira, 8 de dezembro de 2011


Eu acredito nos felizes acasos, nos reencontros, nas passagens. Acredito nas conversas que temos, nos momentos que partilhamos. No que fomos, deixamos de ser e somos. Eu acredito que somos fortes, mas podemos ser muito mais. Acredito que podemos ser melhores que todos e capazes de tudo. Acredito que para além das quatro paredes da nossa amizade haja um mundo por descobrir. Acredito que existem fronteiras que conseguimos derrubar. Acredito que juntos somos capazes de mergulhar e morrer, e matar a vontade de querer. Eu acredito que nós não somos menos o infinito, nem mais que pássaro. Somos o que somos, fomos o que fomos, e seremos o que o futuro nos trouxer. E quando tudo acabar, podemos voltar a ser o que somos porque eu credito nos felizes acasos, nos reencontros, nas passagens.

10 comentários:

  1. Adorei, óbvio que sigo :D
    Simples , mas fantástico :D
    Gostava muito que desses a tua opinião em relação ao meu http://voltar-ao-inicio.blogspot.com/ e se gostasses, seguisses, era óptimo :b
    Beijinhoooos :D

    ResponderEliminar
  2. «Acredito que juntos somos capazes de mergulhar e morrer, e matar a vontade de querer.» mais que perfeito, mesmo *.*

    ResponderEliminar
  3. de nada querida. este texto está um mimo*

    ResponderEliminar
  4. Corações, mudei o link do blog, agora é : http://docoracaoparati.blogspot.com/
    Para continuarem a seguir têm de "deixar de seguir" e seguir de novo, só assim recebem as actualizações dos novos textos.
    Obrigada e olhem, Feliz Natal para todos!:)

    ResponderEliminar

deita cá para fora! ♥